Site Autárquico - Câmara Municipal de Monchique

Município de Monchique distinguido pelo seu trabalho na área do envelhecimento ativo e saudável

Diversos

08 de outubro 2020

O Município de Monchique foi distinguido com o selo “Comunidades Pró-Envelhecimento” pela Ordem dos Psicólogos Portugueses. Esta distinção pretende reconhecer as comunidades portuguesas cujas políticas, programas, planos estratégicos e práticas demonstram um compromisso forte e efetivo com a promoção do envelhecimento saudável e bem-sucedido ao longo de todo o ciclo de vida.

Rui André, presidente da Câmara Municipal de Monchique, referiu que “a atribuição deste selo e deste reconhecimento do trabalho municipal, constitui um orgulho para toda a Comunidade de Monchique, sobretudo porque evidencia um árduo trabalho em rede e com a colaboração de vários Parceiros locais. Trata-se de um investimento material e humano ao nível do envelhecimento saudável e uma constante preocupação na procura de novos projetos, novas ideias e soluções para uma franja muito vulnerável da nossa Sociedade. Uma opção estratégica cujas prioridades são há muito acolhidas com entusiasmo pela população e são agora reconhecidas como boas práticas. Acresce por isso a enorme responsabilidade desta distinção, que aceitamos com todo o empenho, por ser atribuída por uma respeitada ordem profissional, como é o caso da Ordem dos Psicólogos Portugueses”.

Recorde-se que o Município de Monchique foi dos primeiros do País, a criar um Plano Estratégico para o Envelhecimento Ativo, tendo a execução do seu “Plano Gerontológico” criado, desde o ano 2012, um conjunto de políticas sociais que têm promovido um envelhecimento ativo e de qualidade no concelho. Esta estratégia constituiu-se mesmo como um marco identitário do concelho de Monchique, onde o inevitável cenário de envelhecimento populacional ganhou relevo nas políticas públicas, resultando daí um vasto conjunto de iniciativas e programas direcionados para esta população, assentes em quatro grandes eixos: 1. Promoção do envelhecimento bem-sucedido/promoção da saúde; 2. Valorização da imagem e participação social da pessoa idosa; 3. Vulnerabilidade funcional e social; 4. Turismo sénior.

Todos os programas, iniciativas e valências sociais criadas com base nestas premissas, reforçam todas as estratégias direcionadas e criadas para esta franja da sociedade, motivando também outras dinâmicas com destaque para a criação de postos de trabalho nesta área, como são exemplos as respostas sociais de Lar, Centro de Dia, Apoio domiciliário, cujas parcerias com o Município têm assegurado mais qualidade de vida e respostas para os idosos institucionalizados, para além dos inúmeros programas destinados à população Sénior em geral, com destaque para as atividades culturais, desportivas, assim como toda a dinâmica ao nível da Academia Sénior de Monchique. Os cuidados e a literacia de saúde junto desta população também tem merecido especial destaque e resulta da parceria do Município com as Unidades de Saúde no concelho (UCC e UCSP). 

A Ordem dos Psicólogos refere em nota enviada às comunidades distinguidas que ficou evidenciado, até pela situação pandémica que o pais tem vivido, que apesar das dificuldades e dos problemas, estas entidades “trabalham de forma sistémica de modo a que o envelhecimento dos cidadãos seja feito com mais bem-estar e saúde”. Reforça ainda que esta iniciativa e este reconhecimento “é ainda mais premente nesta altura, uma vez que reforça a necessidade de se perspetivar as Comunidades como contextos de vida de excelência para a promoção do envelhecimento saudável e bem-sucedido, com o objetivo de construir uma sociedade coesa, equitativa, inclusiva, saudável e segura, que promova o bem-estar e a contribuição cívica de todos os cidadãos”.